Comunidade troca experiência durante Exposição Fotográfica em Rio Formoso

Os moradores chegam aos poucos. Desconfiados, entram tímidos no Mercado das Artes, no centro de Rio Formoso, para conferir a Exposição Fotográfica Itinerante Desvendando a APA de Guadalupe. Os monitores logo se aproximam, a timidez vai embora e um bom bate-papo é desenvolvido sobre as quarenta fotografias produzidas por jovens moradores da região. Nesse momento, as imagens se tornam o fio condutor sobre a situação ambiental e belezas do Litoral Sul.

Conversa vai, os visitantes lembram como eram praias antigamente, a falta de educação de muitas pessoas em jogar lixo no meio ambiente, falam também da injustiça de limitar o acesso às praias por parte de empresários locais e da demora das autoridades competentes em resolver a situação. Conversa vem, muitos lembram histórias antigas do município ou sobre a Praia da Pedra, a imagem mais comentada nesta semana segundo os monitores Maria Clara e Claudio Pajeú.

A artesã Eliane Maria visitou a Exposição e ficou encantada. Para ela, as imagens estão muito bonitas e são importantes porque mostra as belezas da região que muitos não valorizam. “As pessoas precisam cuidar mais das praias daqui. Em Carneiros, por exemplo, não há tanto lixo como em outras praias”, destacou. Já para Jacira Lins, microempreendedora, a Exposição trouxe uma fotografia surpreendente: a fotografia do estudante Arthur Vinicius, de 18 anos, que retrata chiés na Praia da Pedra, em Rio Formoso. “Ele deve ter tido uma paciência danada e um esforço grande porque esses bichos quando percebem qualquer tipo de movimentação fogem. Muito interessante”, revelou.

As quarenta fotografias resultam do projeto homônimo à exposição que desenvolveu uma oficina de fotografia e uma capacitação em educação ambiental. Realizada pela Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) e desenvolvida pela Associação Águas do Nordeste (ANE), a iniciativa traz 27 imagens produzidas pelos jovens-fotógrafos que moram na Área de Proteção Ambiental (APA) de Guadalupe, no Litoral Sul. As outras 13 imagens foram produzidas pelos fotógrafos orientadores Synara Dantas e Arnaldo Vitorino. A Exposição Fotográfica Itinerante Desvendando a APA de Guadalupe ficará no Mercado das Artes até o dia 1º de fevereiro das 9h às 17h.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*